Uma Associação importantíssima! Consulte-a em "www.projectoluz.com"

sexta-feira, 5 de junho de 2009

Obrigado, querida Titó!

Embora não seja minha irmã de sangue, a Titó era de facto considerada nossa irmã, porque sempre viveu connosco desde pequena, principalmente com os meus Pais e irmãs mais velhas, e comigo até cerca dos meus 9 ou 10 anos. Devido à nossa diferença de idades (19 anos), ela era muito mais próxima das minhas duas irmãs, que têm mais 10 e 16 anos do que eu, e terá sido também um pouco minha Mãe, tal como aconteceu com a minha irmã mais velha, devido não só à nossa diferença de idades mas também ao facto de a minha Mãe ter falecido apenas com 48 anos de idade, tinha eu apenas 10 anos.
A Titó era o que se pode chamar "uma boa pessoa" e sempre viveu toda a sua vida em prol dos outros. Adorava crianças e devo-lhe muito tudo o que fez pelos meus filhos, desde sempre, (e eles hoje bem o demonstraram) - à semelhança, aliás, do que também se passou com os meus sobrinhos.
Hoje estou muito triste, porque não gosto de ver partir as pessoas de quem muito gosto, mas estou ao mesmo tempo contente, porque finalmente ela foi descansar, após 4 anos de luta contra este bicho malvado que por vezes tanto sofrimento traz.
Por isso quero dedicar-lhe esta música e dizer "Obrigado por tudo, querida Titó, espero bem voltar a encontrar-te um dia!"

10 comentários:

Joaquim Lopes disse...

Olá Paulo,
Daqui vai um abraço sentido de condolências para todos vós...
*

Lina Querubim disse...

Paulo
Um beijinho e um abraço apertadinho sei o que é perdermos quem amamos!
Beijinhos á Nela

Cinda disse...

Como eu entendo o que estás a sentir...por vezes quem nos cria ou quem nos está sempre perto e nos dá tudo aquilo que mais precisamos, é muito mais do que quem temos por família de sangue.
Família são todos os que queremos adoptar como tal, nos fazem felizes e nos dão aquilo que precisamos no momento certo.
Gostar também é não querer ver sofrer, nem não ter qualidade de vida. De certeza que a tua Titó vai estar sempre ao teu lado e sempre presente quando precisares.
Um beijo grande.

mari-lou disse...

Um abraço Paulo mas bem apertadinho sei que custa muito perdermos aqueles que muito amamos, mas quando estão a sofrer como ela estava a partida torna-se talvez mais leve, coragem amigo e beijinhos à Nela.

Isa disse...

Paulo,
Um abraço e os nossos sentidos pêsames.
Isabel e Quim

Jen disse...

*
Beijinhos big brother...

Carminho disse...

*

Um beijinho Paulo

CrisVIC disse...

Olá Paulo.
Não te disse nada ontem, porque não sabia. Tenho andado afastada das lides cibernéticas e só agora aqui vim.
*
PS. O Bolero de Ravel? (Malvado sem coração!)

Nela disse...

Beijinhos, Titó. Obrigada. Por tudo.

IsaLenca disse...

Beijinhos.

Agora já descansa!